segunda-feira, 24 de maio de 2010

As diferenças entre os Evangélicos e os Cristãos

Alguns muitos pensam que somos do mesmo grupo, e concordam que comungamos de um mesmo pensamento! Infelizmente, é uma conclusão errônea!

Existem diferenças consideráveis entre estes dois grupos; vejamos algumas:

Os "evangélicos" se reúnem em grandes templos;
Os cristãos se reúnem em qualquer lugar, pois sabem que a condição de cristão é modo de vida.

Os "evangélicos" adoram inovações;
Os cristãos preferem, buscam e clamam por renovação;

Os "evangélicos" gostam de Reteté, em que pessoas pulam, gritam e sapateiam;
Os cristãos buscam por avivamento, em que pessoas se arrependem, se convertem e se tornam novas criaturas;

Os pregadores "evangélicos" usam jargões para prenderem a atenção da platéia;
Os pregadores cristãos usam versos bíblicos, que é apta para constranger a consciência, levando ao arrependimento;

Os "evangélicos" vão as ruas para marchas, passeatas e festas;
Os cristãos saem as ruas para Evangelismos, visitas e cultos externos.

Os "evangélicos" se preocupam com profecias e visões;
Os cristãos se preocupam com as pessoas, e com missões;

Os "evangélicos" vivem se separando, ocasionando sempre em uma nova Igreja.
Os cristãos estão sempre em comum acordo, e isso faz com que o "Senhor acrescente a igreja, pessoas para receberem a salvação." (Atos 2. 47b)

Os "evangélicos" colocam atrativos em suas Igrejas, para chamarem a atenção de jovens e adultos;
Os cristãos usam o Poder de Deus, que leva muitos jovens e adultos à conversão;

Os "evangélicos" são adeptos da "Unção do Riso"; "Unção das chaves"; "Unção Financeira";
Os cristãos são revestidos da Unção do Espírito Santo;

Os "evangélicos" vão à Igreja para "reuniões".
Os cristãos vão à igreja para "cultos de adoração e louvor".

Os "evangélicos" vão as chamadas "Sessões" para receberem libertação;
Os cristãos crêem que "Se o Filho os libertar, eles serão, de fato, livres." (João 8. 36)

Os "evangélicos" são levados por ventos de doutrina;
Os cristãos estão indissociados na Rocha; nenhum vento poderá separá-los;

Enfim, a lista é grande! mas podemos perceber as grandes diferenças que existem entre estes dois grupos!

A igreja do Século I se foi, mas Cristo ainda procura as "miniaturas" dEle!



Fonte: Blog do Cleison de Oliveira/ Blog Libertos do Opressor
-----

Nenhum comentário:

Postar um comentário